4 de setembro de 2009

Quem ama espera

O grupo pop Jonas Brothers passou por Rio de Janeiro e São Paulo arrastando uma legião de fãs a seus shows. Porém, os três rapazes também deixaram uma nova mania entre as meninas brasileiras, o uso do anel de pureza.
O novo acessório tem o intuito de demonstrar de forma pública que a pessoa que o adotou pretende manter relações sexuais apenas após o casamento. No entanto, a nova mania, que agradou a muitos pais, é vista apenas como um modismo por alguns especialistas.
A estudante Angelica Martins, de 16 anos, afirmou que leva este voto muito a sério e que o manterá mesmo que desagrade seu namorado. “Quem ama espera. Acredito nisso e vou fazer o mesmo. Meu namorado vai ter que esperar”, declarou.
Opinião semelhante tem a jovem Natasha Novaes, de 15 anos, que disse que não pensa na possibilidade de quebrar este voto. “Mesmo que os Jonas quebrem a promessa, continuamos com o voto”, afirmou.
No entanto, para a socióloga Vera Filgueiras este movimento tem data de validade. “Tudo não passa de puro modismo. Talvez alguns jovens sigam fiéis, mas a história mostra o contrário. No entanto, tudo o que propõe uma reflexão sobre a vida sexual é salutar, ainda mais na nossa cultura”, declara.
(Com reportagem de O Dia Online)

Um comentário:

Jonatas disse...

Concordo plenamente com a mensagem que o grupo Jonas Brother esta pregando! "QUEM AMA ESPERA!" assim como esta escrito em 1 Coríntios 13 que o amor tudo crê, tudo espera, tudo suporta. Se a pessoa amar realmente ela terá a capacidade de esperar o momento certo, o sexo e benção? sim! Mas somente depois do casamento, mas antes e pecado, e Deus não agrada do pecado. Agora fico entristecido, pois precisou um grupo secular dar uma lição de moral em nos evangélicos.